Além do possível

Devocionais
Tipografia

Levantou-se Ana, e, com amargura de alma, orou ao SENHOR, e chorou abundantemente. (1Samuel 1.10).

Ana desejava um filho. Ela era estéril e sofria duplamente com sua esterilidade. Sofria porque não podia dar a luz a um filho. Sofria porque a outra esposa de seu marido, Penina, a irritava e a provocava pelo fato de ser ela estéril. Ana, aflita, ora a Deus pedindo um filho. Em sua oração, Ana pede que Deus olhe para ela e lhe dê um filho. Esta história, escrita em 1Samuel 1.1-18, nos mostra o desespero de uma mulher que queria ter a alegria de gerar uma vida. Deus ouve o pedido de Ana e o responde, nascendo Samuel.

Hoje, você ou eu podemos viver situações em que sofremos por não conseguirmos resolver determinadas situações. Não necessariamente a ausência de um filho, mas quem sabe alguma situação que vivemos e não conseguimos encontrar saída. Para Ana, a situação impossível era sua esterilidade. Penina pensava que não havia jeito de resolver a esterilidade de Ana, mas Ana sabia que somente Deus poderia realizar este milagre em sua vida. Você tem impossíveis? Entregue-os a Deus, ele pode fazer muito mais nas nossas vidas!

Oração: Senhor, quero entregar meus impossiveis a ti, certo de que somente o Senhor pode dar a resposta certa. Em nome de Jesus, amém.

Reverendo Giovanni Campagnuci Alecrim de Araújo
Pastor da Igreja Presbiteriana Independente de Araraquara, SP
Secretário de Música e Liturgia da IPIB