Bondade

Devocionais
Tipografia

Deus jamais encontrará em nós algo digno de seu amor, senão que Ele nos ama porque é bondoso e misericordioso. (João Calvino)

O pecado corrompeu nossa natureza. Se levarmos em consideração a justiça, não temos nada de digno em nós. No entanto, Deus não exerce sua justiça desassociado de seu amor. Assim, mesmo que em nós não haja nada digno de seu amor, e que a justiça determine que sejamos condenados, o amor de Deus se derrama sobre nós e, em Cristo, temos acesso a misericórdia do Pai. A bondade de Deus nos alcança e somos feitos seus filhos. Tal condição nos conduz a vivermos sendo bondosos e misericordiosos.

Oração: Senhor, faz-me ser cada dia mais bondoso(a) e misericordioso(a). Em nome de Jesus, amém.

Reverendo Giovanni Campagnuci Alecrim de Araújo
Pastor da Igreja Presbiteriana Independente de Araraquara, SP
Secretário de Música e Liturgia da IPIB